4ª Festa das Tradições Culturais Nordestinas

Grupo de Xadado Cabras de Lampião, de Serra Talhada

O Centro Cultural de Tradições Nordestinas de Sorocaba (CCTN) realiza, a partir desse sábado – dia 10 – a 4ª Festa de Tradições Nordestinas. O evento é gratuito e seguirá até o domingo, na Avenida Itavuvu, no Jardim São Camilo. A programação começa às 10 hrs, com a Aula Espetáculo dada por Anildomá Willianas e o Grupo de Xaxado Cabras de Lampião.

Anildomá é presidente da Fundação Cabras de Lampião – de Pernambuco – e autor do livro “Lampião: nem herói, nem bandido“, que fala sobre a vida e história do rei do cangaço. Na programação da festa, há um espaço reservado para o autor dar uma palestra sobre a história de Lampião e falar sobre seu livro.

A Festa envolve dança, música e exposição de artesanatos. Além da apresentação do grupo de xaxado, o sábado conta com o show de forró “Saudades do meu pé de serra”, com o grupo Quarteto Cabras de Lampião. Haverá mais música com o Trio Forró Euzébio e Apimentados do Forró.

Durante a tarde de sábado, a programação abre espaço para oficinas de renda, feira de cordel, apresentação de repentistas e danças folclóricas!

                                  “Discutir Lampião é discutir a cultura do povo sertanejo.”
                                                                                                       Anildomá Willians
  

SERVIÇO:

O que: 4ª Festa de Tradições Nordestinas.

Onde: Avenida Itavuvu, 4.647, Jardim São Camilo – Sorocaba, SP.

Quanto: 09 e 10 de novembro.

Quanto: Gratuito.

FONTES: Rede Bom DiaPortal Cruzeiro do Sul.

Categorias: Festas | Deixe um comentário

Sexta-feira cheia de homenagens: Troféu Luiz Gonzaga e título de Cidadão Honorário são entregues em Maceió


   

61 forrozeiros recebem Troféu Luiz Gonzaga

Na sexta-feira, dia 09 de dezembro, cerca de 61 forrozeiros receberam o Troféu Luiz Gonzaga na sede do Poder Legislativo municipal, em Maceió. O troféu integra as homenagens ao pré-centenário do rei do baião, Luiz Gonzaga, que será na próxima terça-feira (dia 12).

Zé do Rojão, um dos cantores que recebeu o troféu comentou a importância da iniciativa para a cultura e música nordestina:  “Isso é uma iniciativa valiosa. O forró é uma música tipicamente nossa. Não é ‘enlatada’ como outros ritmos. Tenho muito respeito e admiração por aqueles que fazem e dão valor à música do Nordeste”.

Elba recebe título de Cidadã Honorária de Maceió

No mesmo dia, foi entregue o título de Cidadão Honorário de Maceió aos cantores Jorge de Altinho e Elba Ramalho. A cantora agradeceu à homenagem relembrando palavras do Rei do Baião. “Uma vez, Luiz Gonzaga me disse: – ‘Lôra, tá na tua mão a responsabilidade de levar o forró para aquelas bandas lá de baixo e não desgrudar dele nunca’. Hoje faço do forró minha vida, pois ele traduz a nossa cultura, nossa comida, nosso estilo de vida, tudo do nordestino”. Elba participou do show no bairro do Jaraguá em comemoração aos 172 da cidade de Maceió.

As palavras do poeta e compositor Petrúcio Amorim, que também recebeu o título de Cidadão Honorário de Maceió, resumem o que essas homenagens representam para  Nordeste:

“Recebemos hoje uma injeção de ânimo para nós, nordestinos, que levamos nossa rica cultura para os quatro cantos do país. Não podemos nos curvar nunca para as demais regiões, pois o Nordeste também é Brasil”.

FONTES: Tudo na hora – O portal de notícias de AlagoasTribuna Hoje.

Categorias: Música | Deixe um comentário

Lançado Projeto Festas da Diversidade no Pelô


Coletiva no CCPI (Centro de Culturas Populares e Identitárias)

O Projeto Festas da Diversidade no Pelô é nessa quarta-feira, dia 07 de dezembro, na sede do Centro de Culturas Populares e Identitárias (CCPI).

O projeto é uma ação da Secretaria da Cultura da Bahia (SECULT), visando unir a simbologia natalina com a identificação da cultura nordestina.

A proposta da diversidade é notada desde a decoração do Centro Histórico, que contará com três diferentes projetos, inspirados nas linguagens de cordel, cango e manifestações nordestinas.

Além de dinamizar as ações culturais no Pelourinho, o projeto visa  incentivar a cultura local, promovendo eventos produzidos pela comunidade, com acesso gratuito ou a preços populares.

 

FONTES: Pelourinho – Site oficial

Categorias: Ações/Premiações/Projetos | Deixe um comentário

Cultura viva em oficinas de xilocordel

A Ong. Iphanaq promoveu no mês de novembro oficinas de xilocordel, em parceria com o xilógrafo João Pedro de Juazeiro, no Liceu de Quixeramobim. A ação faz parte do projeto contemplado no Prêmio Mais Cultura de Literatura de Cordel, cuja premiações serão entregues amanhã, dia 7 de dezembro. Saiba mais sobre esse Prêmio em outra postagem do blog, seguindo o link: Prêmio Mais Cultura de Literatura de Cordel.

A oficina contou com um recital de poesia e um seminário cujo tema era “Da Literatura de Cordel à Contemporaneidade”. As produções feitas durante a oficina  foram utilizadas para ilustração de cordéis com a temática Patativa do Assaré, conforme proposto pelo projeto.

Essa foi uma oportunidade para vários estudantes aprenderem mais sobre técnicas artesanais com traços bem desenvolvidos utilizados na produção do xilocordel.

Fontes: Cultura Quixadá

Categorias: Literatura | Deixe um comentário

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.